Nosso parceiro:
41 3332.3232

Concretos Refratários

concretos-refratarios

Descrição do produto

Os concretos são classificados em diferentes categorias dependendo do uso ou não de aditivos especiais. Quanto adicionados resultam em significativas reduções de cimento e também na redução da quantidade de água necessária para sua instalação.Os concretos convencionais de pega hidráulica são constituídos com agregados de diversas especificações, combinados com diferentes tipos de cimentos de aluminato de cálcio. São aplicados por vibração, projeção e socagem, sendo, portanto uma alternativa ideal para revestimentos e reparos pela sua facilidade de aplicação não necessitando de equipamentos especiais.
O concreto refratário tem múltiplas aplicações entre as quais destacamos: construções monolíticas, moldagem de peças especiais no próprio local de uso, moldagem em formas de madeira, revestimento de portas de fornalhas, peças entre tubos de caldeiras, arcos, bocas de maçarico e etc. Produto refratário não-conformado de pega hidráulica. Consiste na mistura de um ou mais agregados refratários de granulometrias adequadas, com um cimento refratário que funciona como ligante.
O seu emprego é recomendado para temperatura máxima de utilização, até 1.400 ºC. Havendo necessidade de um concreto resistente a uma maior temperatura, entre em contato com o departamento técnico da CASA DO REFRATÁRIO.
As principais características das peças moldadas, com o concreto refratário são:
• Possibilidade de utilização 24 horas após a moldagem.
• Resistência mecânica elevada.
• A mais perfeita resistência às variações bruscas de temperatura.
• Mínimas dilatações e retrações.
• Maleabilidade absoluta de utilização, que permite tanto a moldagem de peças, por mais delicados que sejam como a construção de peças monolíticas de muitas toneladas.
• Fácil manipulação, não requer mão de obra especializada.
Instruções para Mistura
A solução ideal para a mistura do concreto refratário é de 14 % de água limpa em relação ao peso. Entretanto, desejando um traço mais fino ou mais grosso da massa, basta diminuir ou aumentar a quantidade de água.
Utilizar preferencialmente misturador de galgas ou fluxo forçado, entretanto, caso não haja disponibilidade pode-se fazer a mistura com enxada ou colher de pedreiro.
Misturar o material a seco durante 01 a 02 minutos, adicionar a quantidade mínima de água definida e misturar por mais 03 a 04 minutos.
Aplicação
Na socagem, deve se acomodar facilmente nas formas, e formar um filme liso quando alisado com colher de pedreiro.
Caso a quantidade de água não esteja adequada, ajusta-la considerando os limites de aplicação.
Para aplicação por socagem a quantidade de água requerida é sempre maior. Em condições adversas de aplicação, tais como locais muito quentes ou de difícil acesso, é admissível utilizar até mais.
Durante a pega, deve-se proteger da evaporação a superfície do concreto, com sacos de pano umedecidos com água, ou outro meio que garanta a preservação da umidade na superfície do concreto. Após a pega que se processo entre 1 e 6 horas inicia-se o processo de cura, que deve durar aproximadamente 24 horas. Durante este período é conveniente manter a temperatura do concreto aplicado em torno de 25 ºC, isto pode ser feito através da pulverização de água sobre a superfície do concreto.
Depois de completado o período de cura, pode ser iniciado o processo de secagem que se dará com a partida do forno, sempre que for viável deve-se evitar curvas de aquecimento muito rápidas. Devido à diversidade de revestimentos e projetos existentes, não existe uma curva padrão de aquecimento. Na dúvida, consulte-nos.

Avaliações

Não há avaliações ainda.

Seja o primeiro a fazer uma avaliação “Concretos Refratários”